Behemoth ou a Queda (afetos)

  • Performance

Date

Out 16 - 30 2022

Time

All Day
  • 00

    days

  • 00

    hours

  • 00

    minutes

  • 00

    seconds

Inicio de um processo de escrita para criar um espetáculo que procurará relações intertextuais entre algumas obras pre escolhidas:
“O Mestre e Margarita” de Mikhail Bulgakov, “Behemoth; or, The Long Parliament” Thomas Hobbes,
“Daemonologie, In Forme of a Dialogue” entre outros.

É uma viagem a uma sociedade e uma revelação de como esta está estruturada, a sua hipocrisia e as relações que mantêm o poder.

O projeto terá após a escrita do texto, materialização num espetáculo em que se estabelecem experiências com o público de reflexão activa sobre o que está a testemunhar em termos de texto. A relação com os actores é de que o público é uma fantasma ao qual este se dirige mas que para ele é inatingível.

Artista: Gonçalo Alegria

GONÇALO ALEGRIA, Lisboa, 1976.

Estudou música com Walter Lopes, José Eduardo, Mário Delgado e actualmente frequenta o Mestrado de Artes Musicais na Universidade Nova de Lisboa.

Começou a trabalhar em teatro em 1999 tendo sido membro do Teatro do Vestido entre 2001 e 2013. Frequência do Curso de Ilustração do Ar.Co. entre 2002 e 2004. Foi professor de Som e Luz na Escola Profissional de Artes e Ofícios do Espetáculo. Frequentou o Curso de Artes da Performance Interdisciplinares e Tecnológicas, Programa Gulbenkian Criatividade eem 2008. É membro do coletivo Silvestre Alegria e desenvolve uma pesquisa artística interdisciplinar onde utiliza, entre outras matérias, o som, a rádio, performance e a escrita. Colaborou entre outros com: Galeria Zaratan, Miguel Castro Caldas, Andresa Soares, Matthieu Ehrlacher, Ainhoa Vidal, Marina Nabais, André Uerba, Companhia Caótica, João Ferro Martins, Daniela Silvestre, Máquina Agradável, Silvia Pinto Coelho, João Pedro Vaz, SubUrbe, Teatro Praga, Ninho de Víboras e Teatro Meridional.

Escreveu em televisão para o programa de culinária O Ingrediente Secreto. Fez captação, música e montagem de som para cinema.

Dedica-se no seu trabalho pessoal a escrever textos originais, realizar trabalho sonoro, radiofónico, performático e cénico.

Organizer

Gonçalo Alegria